10 países e suas formas diferentes de celebrar o “dia de finados”

A dor é passageira, mas a saudade é eterna. Conheça agora 10 países e suas formas diferentes de celebrar o “dia de finados”.
.

10. México
Não tem tristeza no “Dia de Los Muertos”. Lá a ordem é celebrar a morte com alegria. São realizadas grandes festas, que começam no dia 31 de outubro e terminam no dia 2 de novembro. Os mexicanos usam fantasias coloridas e máscaras de caveiras, constroem altares dentro de suas casas e preparam as comidas e bebidas preferidas de quem já se foi.

[read more] .

9. Portugal
Já em Portugal é bem semelhante ao Dia de Finados do Brasil. Mais conhecido como Dia dos Fiéis Defuntos é dia de relembrar os entes queridos que já se foram. Neste dia, os portugueses vão aos cemitérios e às igrejas para rezar pelos pecados das pessoas que morreram e, com isso, ajudar a livrar suas almas do purgatório, local que a Igreja Católica diz que estas permanecem até se purificar antes de ir para o céu.

.

8. Japão
Conhecido como O-bon, acontece no dia 15 de agosto. Os japoneses homenageiam seus ancestrais em celebrações que duram três dias. e incluem danças, comidas especiais para a data, além do retorno ao lar da família onde viveram seus antepassados. Os japoneses acreditam que os espíritos dos mortos voltam nesse dia para visitar a família, por isso, deixam suas lápides muito limpas e tudo preparado para receber bem quem já se foi.

.

7. Espanha
No dia 01 de novembro na Espanha se comemora o Dia de Todos os Santos. Geralmente os espanhóis voltam as suas cidades natais e visitam os cemitérios onde estão enterrados seus familiares. Além das flores, os espanhóis oferecem doces aos seus finados, o “Hueso de Santos”, ou Osso dos Santos, feito de marzipã, ovos e uma calda de caramelo. Não são feitas festas na Espanha, mas o dia é de comemoração. Uma tradição do Dia dos Mortos na Espanha é a apresentação da peça “Don Juan Tenório”.

.

6. República Tcheca
Em Praga, os moradores celebram o Dia dos Mortos com máscaras, velas e caveiras feitos de açúcar.

.

5. Grã-Bretanha
O costume local é que as pessoas visitem os cemitérios ao anoitecer. Eles se ajoelham em frente às lápides de seus parentes falecidos,e ungem-nas com água benta ou leite. Na hora de deitar, o jantar é deixado na mesa para as almas se servirem.

.

4. Estados Unidos
É conhecido como All Souls’ Day , e é um dia de orações pelos mortos. Muitos cristãos visitam os cemitérios onde acendem velas nos túmulos de seus antepassados. As velas são abençoadas e marcadas com os nomes dos falecidos. Nos locais onde há predominância de comunidades latino-americanas, as comemorações são mais parecidas com as feitas no México, com festas e celebrações alegres e divertidas. Porém nos Estados Unidos, o Dia de Finados não é feriado.

.

3. Guatemala
O Dia dos Mortos é marcado pela construção e uso de pipas gigantes. Alguns guatemaltecas visitam os túmulos de seus entes e a comida típica do dia é o fiambre, único dia em que é preparada essa comida durante o ano todo.

.

2. Bolívia
No dia 9 de novembro é comemorado o “Dia de los Ñatitas”. Nos tempos pré-colombianos, indígenas andinos tinham o costume de partilhar um dia com os ossos de seus familiares mortos, no terceiro ano após seu sepultamento. Hoje em dia usa-se apenas o crânio dos mortos para essa celebração. Outra prática entre os Bolivianos é que a família coroa a caveira com flores frescas, oferecendo cigarros e folhas de coca, álcool e vários outros itens em agradecimento à proteção durante o ano. Depois, as caveiras são levadas para o Cemitério Central de La Paz, para uma missa especial e bençãos.

.

1. Brasil
Comemora-se o dia de finados no dia 2 de novembro, sendo o primeiro dia do mês o dia de todos os santos. Os brasileiros tem o hábito de visitar os cemitérios e levar flores para colocarem nos túmulos de parentes e amigos falecidos. Os mais religiosos fazem orações. As pessoas mais tradicionais usam até roupas pretas nesse dia em respeito ao luto dos entes que partiram.

.
[/read]

Veja Também

Deixe um Comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *